Como fazer o cabelo crescer mais rápido

Você sonha em ter um cabelão? Então, uma boa notícia: dá para aumentar alguns bons centímetros por mês, e para isso basta seguir algumas dicas, super simples (mas que podem fazer toda a diferença) que mostraremos agora para você.

Se alimente corretamente

Como já era de se esperar, a alimentação é extremamente importante e é o principal fator a se levar em conta quando o assunto é o crescimento dos fios, pois eles precisam estar bem nutridos para poder crescer corretamente, além de conseguir uma boa espessura.

Sendo assim, certamente, a dieta pobre em vitaminas e proteínas essenciais irá impedir que o cabelo possa crescer. Só uma boa alimentação irá garantir que os fios possam aproveitar as gorduras e os aminoácidos da comida.

Uma alimentação pobre em ferro também pode causar anemia, doença que interfere muito na queda e no crescimento, assim como na qualidade do fio.

Portanto, a dica é caprichar numa dieta rica em carne, gema de ovo, legumes, grãos integrais e vegetais verde-escuros, leite, moluscos e farelo de trigo, cerejas, ostras, castanhas, frutas secas e mariscos, levedo, germe de trigo e aveia.

Mantenha a higiene em dia

Mais do que garantir um perfume gostoso, é importante manter a higiene em dia para afastar o excesso de oleosidade e de sujeira que, acredite, pode resultar até em inflamações no couro cabeludo, e, inclusive, acabar obstruindo o folículo piloso, impedindo, dessa forma, o crescimento normal dos fios, portanto, procure lavar os cabelos, no mínimo, 3 vezes por semana.

Evite o cigarro e o excesso de sol

Já sabemos que a genética tem um papel fundamental tanto na queda quanto no crescimento dos cabelos, já que o comprimento máximo do fio, sua espessura e morfologia – liso ou ondulado – são determinados pelo DNA, porém, o meio ambiente também pode influenciar no cabelo, até mudando parcialmente o que é geneticamente determinado. Por exemplo, o cigarro e o excesso de sol, ambos são inimigos perigosos.

No caso do cigarro, a nicotina diminui a oxigenação e o fluxo sanguíneo nos bulbos capilares, resultando numa diminuição da força e da velocidade do crescimento dos fios, enquanto o excesso de sol leva ao ressecamento, à perda do brilho, e podendo até levar à queda dos cabelos, em caso de uma queimadura no couro cabeludo, por exemplo.

Dê um tempo nas químicas, chapinhas e secador

Infelizmente, o abuso de alisamentos e do uso de descolorantes, secador e chapinha, babyliss, enfim, acaba enfraquecendo os fios, os deixando mais fracos, desacelerando o crescimento e aumentando o risco de quebra dos cabelos, além de poder causar algum tipo de irritação no couro cabeludo, o que interfere no crescimento. Vale ressaltar que o alisamento quebra os fios, o que resulta em fios mais curtos, a médio ou longo prazo.

Evite o stress

Acredite, o stress é um fator que desacelera o crescimento, e ainda pode causar atrofiamento do bulbo capilar, e isso devido ao aumento de um hormônio chamado cortisol, portanto, se seu dia a dia é estressante, se dedique á alguma atividade prazerosa, que possa fazer com que se sinta bem mais leve.

Pronto, seguindo essas simples, porém, importantes dicas, você vai ver que seus fios irão crescer mais rápido e bem mais bonitos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.